Apenas três meses após a nova temporada e as especulações sobre a saída de Neymar do PSG já se intensificaram na França. A hierarquia de Paris Saint-Germain estava muito brava com a aparente deslealdade de Neymar. Os fãs de camisolas de futebol estão olhando menos para Neymar. O brasileiro está fora de ação há um mês devido a um problema no tendão. Agora, o atacante está demonstrando ainda menos interesse ao decidir deixar a França e voltar à Espanha.

O PSG está tentando renovar a espinha de sua equipe - Marquinhos, Thiago Silva, Meunier e Verratti, com quem já existe um acordo. Griezmann, que atualmente comanda essa parte do campo como primeira escolha, também é um fator, e se Ousmane Dembélé as tensões potenciais se multiplicam. Ainda não se sabe quem vai assumir a Camisola psg.

Mas parece que, por enquanto, Neymar não estará colocando a caneta no papel em Paris tão cedo. As discussões sobre extensão devem começar no início de 2020. Atualmente, ele tem outros 2,5 anos em seu acordo. Nesta sexta-feira contra o Lille, Neymar espera testar as águas e convencer Thomas Tuchel de seu valor em um ataque que vem se saindo bem sem sua influência.